Yao Ming pode se aposentar ainda este mês

Considerado o maior astro da história do esporte chinês, o gigante Yao Ming, jogador de basquete do Houston Hockets, dos EUA, pode se aposentar no final de junho. Recuperando-se de um problema no tornozelo desde novembro de 2010, Yao Ming declarou esta semana que pode abandonar o esporte caso sinta que não possa se recuperar completamente.

O contrato dele com o time da NBA, estimado em U$ 76 milhões, acaba em 30 de junho. O jogador ainda disse que não tem mais como prioridade a conquista de um título no basquete norte-americano e que pretende passar os próximos dez anos tomando conta da família e dos negócios.

Apenas de nunca ter vencido um título importante, Yao Ming foi responsável pelo exponencial crescimento do basquete na China, criando uma geração de jovens apaixonados pelo esporte. As transmissões da NBA na televisão chinesa alcançaram uma audiência acima do esperado e o número de quadras multiplicou nas cidades. Aqui mesmo na Rádio Internacional da China, temos duas, que estão sempre tomadas nos horários de intervalo. Mas não é só aqui. As quadras espalhadas pela cidade, nos parques ou em condomínios, estão sempre cheias.

Para onde quer que você olhe em Beijing, é possível ver a imagem de Yao Ming, seja em outdoors, revistas, jornais, posters ou na TV. A aposentadoria precoce deste ídolo – ele pretendia parar em 2013 – vai representar muito para o esporte nacional. Mas quais serão as consequências? Quem será o próximo ídolo? O basquete continuará no coração dos chineses?

Comentários encerrados para este post